Significado de Ética e Moral

O que é ética e moral:

No contexto filosófico, ética e moral têm significados diferentes. A ética está relacionada ao estudo fundamentado dos valores morais que norteiam o comportamento humano na sociedade, enquanto a moral são os costumes, as normas, os tabus e os acordos estabelecidos por cada sociedade.

A relação entre ética e moral é que ambas são responsáveis ​​pela construção das bases que nortearão a conduta do homem, determinando seu caráter, seu altruísmo e suas virtudes, e ensinando a melhor forma de agir e se comportar em sociedade.

Embora ambas as palavras sejam freqüentemente relacionadas, elas se referem a conceitos diferentes. Vamos primeiro examinar cada um separadamente.

Ética

A palavra ética vem do grego ethos que significa "jeito de ser" ou "personagem".

A ética estuda os princípios que devem reger o comportamento humano ao tentar explicar as regras morais de forma racional, bem fundamentada, científica e teórica.

Pode-se dizer que a ética é, nesse sentido, uma teorização da moralidade, que até ajuda a definir nossos próprios critérios sobre o que acontece ao nosso redor.

Embora a ética normalmente endosse ou justifique as práticas morais, outras vezes parece contradizê-las.

Por exemplo,

O respeito pelo outro é um princípio fundamental da ética. Como máxima da ética, o respeito não está subordinado a nenhum contexto cultural, mas deve ser praticado perante todos os tipos de pessoas, sem discriminação de origem, raça, sexo, orientação ou religião. A ética, portanto, não discrimina de acordo com o universo de usos e costumes.

Veja também:

  • Ética
  • Valores éticos
  • Tipos de ética

Moral

A palavra moral deriva da palavra latina Moralis, que significa "relativo aos costumes". A moralidade, portanto, se concentra na prática, em expressões concretas de comportamento que derivam do sistema de valores e princípios.

Em outras palavras, a moralidade é o conjunto de regras que se aplicam à vida cotidiana e são continuamente utilizadas por todos os cidadãos.

Essas normas orientam cada indivíduo, orientando suas ações e julgamentos sobre o que é certo ou errado, ou seja, bom ou mau dentro de uma escala de valores compartilhada pelo grupo social.

Por exemplo,

De acordo com os costumes vigentes até o século XIX, a moral ditava que toda mulher se subordinasse à vontade do homem da casa, e a rebelião tornava-a "imoral". Essa norma mudou progressivamente entre os séculos 20 e 21 nas sociedades ocidentais. Assim, os usos e costumes morais de hoje admitem a independência da mulher e seu impedimento é considerado imoral.

Tag:  Religião E Espiritualidade Tecnologia-E-Inovação Expressões Populares